7 de abr de 2011

Computador

Papai e mamãe decidem colocar um programa que filtra conteúdo para crianças na internet.

Dias depois, o Pelelê procura o papai na hora do jantar:

- Pá, estou com um problema.

- O que é, filho?

- Aquele programa que você colocou no computador não me deixa entrar no Mercado Livre, e eu preciso entrar lá para vender minha impressora, que já está um pouco velha.

6 de abr de 2011

Ioga

Mamãe está passando uma roupa, enquanto o Pelelê brinca no computador. Sem tirar o olho da tela, ele pergunta:

- Mã, você gosta de ioga?

- Hummm, não sei, filho.

- Mã, os cientistas dizem que a ioga fortalece a carcaça!

- Como assim?

- Mã, a ioga fortalece a carcaça e aprimora a mente. É o que eu sei.

- Filho, onde você aprendeu isso?

- No Google, mamãe.

- No Google? E por que você foi procurar saber sobre ioga no Google, Pê?

- Mã, eu estava brincando com um jogo de perguntas. Tinha uma que era sobre o que os cientistas diziam sobre a ioga. Como eu não sabia, fui procurar no Google, entende?

- Hmmm, e o que você encontrou, filho?

- Eu pesquisei no Google e achei assim: A ioga, bla bla bla bla bla... ajuda a fortalecer a carcaça.

4 de abr de 2011

Palavras

Pelelê está com uma mania horrível e toda hora descobre um motivo para falar uma expressão que a mamãe detesta:

- Ai, meus ovos! Ai, meus ovos!

Mamãe perde a paciência e reclama com o filhote:

- Pê, deixa de falar isso! É muito feio!

Dali a pouco, Pelelê esbarra no sofá e fala de novo:

- Ai, meus ovos!

Mamãe olha com cara feia e esbraveja:

- Que coisa feia, Pê! Para com isso! Deixa de ficar falando essa palavra!

Pelelê olha desconfiado e tenta salvar a situação:

- Ai, meus testículos!

Dia de sol

A família está de bobeira na praia.

Mamãe, Pelelê e um amiguinho brincam com um bote inflável. De repente, vem uma onda grande e mamãe leva um tremendo caldo!

- Filho, essa onda acabou comigo! Veja só, arranhei os joelhos, a perna, estou toda machucada. Me lasquei todinha.

- Todinha mesmo?

- Toda, toda.

- Até a vagina?